25/07/2019

Notícias

Ginterê 2019

Nos dias 22 e 23 de julho, o Colégio Santa Teresa foi o cenário da Ginterê, a nossa tão aguardada gincana solidária. Turmas do 6º ano do Ensino Fundamental até o 3º ano do Ensino Médio dividiram-se em 4 equipes: Badé, Caritas, Mahalo e Rursos. Os dois dias de gincana exigiram que nossos estudantes se preparassem para diversas tarefas, desde jogos até apresentações artísticas.

Para marcar os 20 anos da Ginterê, recebemos na escola a professora de Educação Física Magna Ester, responsável por criar a competição solidária há duas décadas atrás. Além das homenagens e vídeos apresentados, as equipes precisaram se esforçar para apresentar o show de abertura do evento. Logo após, foi o momento de movimentar o corpo com brincadeiras e tarefas que exigiram trabalho em equipe.

No segundo dia, o destaque ficou por conta das danças, e as coreografias criadas pelos estudantes impressionaram professores e colegas. Os educadores também participaram da gincana apresentando um número artístico, definido pela equipe representada.

É importante destacar que o principal objetivo da Ginterê é envolver os adolescentes em atividades solidárias, que são convertidas em pontos. Em 2019, as tarefas consistiam em arrecadar sacolas plásticas, tampinhas, alimentos não perecíveis e doações de sangue e cabelo. Muitas pessoas serão beneficiadas com as contribuições de nossos estudantes, seus familiares e amigos, e provamos que mais uma vez que a grande vencedora é a solidariedade! Veja os nossos impressionantes números de arrecadação:

  • Doadores de sangue: 236 pessoas
  • Cabelo: 60 mechas
  • Sacolas plásticas: 247kg
  • Lacres: 100kg
  • Tampinhas: 1280kg

Ao todo, a Ginterê arrecadou 335 kits de alimentos. Os kits foram compostos pelos seguintes mantimentos:

  • Massa: 335kg
  • Feijão: 335kg
  • Arroz: 335kg
  • Açúcar: 335kg
  • Leite em pó: 134kg

Parabenizamos a equipe Mahalo pela vitória e agradecemos a participação de todos, incluindo a equipe Caritas (segundo lugar), Rursos (terceiro) e Badé (quarto). Ano que vem tem mais Giterê!